Rendendo-se ao lado feminino da paternidade – o primeiro desafio Mães Loucas!

Helloucas!!!!
Já fazia um tempo que eu queria postar sobre algo que fugisse dos assuntos mais comuns dos blogs maternos, e aí minha amiga fisio Gil sugeriu algo sobre “paternidade feminina”, ou seja, os desafios dos pai frente àquele pequeno ser cor-de-rosa que adora brincar na neve, rsrs!
Meu-Malvado-Favorito-2-15jun2013-13
Mas nada sobre as diferenças entre meninos e meninas, afinal isso não tem nada a ver hoje em dia!! Ninguém mais fica chocado se um menino brincar de boneca ou a menina, de hot wheels… Estou falando de algo mais sobre não ter medo de se “render” de verdade, de fazer coisas pela filha sem ter medo de ser ridículo, tipo o Gru se vestindo de fada na festa da Agnes no filme “Meu malvado favorito 2”, sabe???
102_2425-blog-princess2

Ou aquele tio que se vestiu de princesa pois a sobrinha estava com vergonha de ir fantasiada ao cinema. Uma mãe pode muito bem sair vestida de super-herói, fantasiada de princesa, alien… Iriam olhar, mas ninguém se espantaria, pois, afinal, ser mãe tem dessas coisas. Mas e os pais?? Os pais de meninas conseguem de fato “se jogar” e curtir?? Lançar sem medo aquele olhar “babão” para a filha? Queria muito saber!!!

E aí pensei, por que não lançar um desafio?? Então, a gente convoca vocês a postar uma foto do pai sem medo de pagar mico por causa da filha, mostrando que todo pai deixa os esteriótipos machistas de lado para ser cúmplice da meiguice das suas meninas!
Topam?? Vamos contagiar as redes sociais por um mundo com pais mais “Gru”??? hahahaha
Que tal desafiar 3 amigos para postar uma foto assim??? Quem não tiver Facebook ou Instagram pode enviar a foto para o email maesloucas@maesloucas.com.br que a gente divulga lá na nossa fan page! Não esqueçam de colocar as hashtags: #desafiomaesloucas #desafiopaidemenina #desafiopaigru
E para dar início aos trabalhos, meu maridón escreveu um texto especialmente para o Blog, contando um pouco da sua experiência como pai da Luna.
Conto com a colaboração de todas!!
Beijos e até a próxima!!!!
♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥
Por Kito Vivolo
Cá estou eu aqui colaborando de novo com o blog que sou fã #1, o “Mães Loucas”.
Uma das tarefas mais difíceis da minha vida foi e é ser pai de menina. Por outro lado é também a coisa mais gostosa que existe no mundo.
Ser pai do Eric é fácil, a gente ouve música juntos, joga bola, rola no tapete lutando judô, joga futebol de botão, brinca de super-herói, fala do Corinthians e pronto….. todos felizes facilmente.
Mas e a Luna? Ela é cheia de energia, adora brincar mas tem a “alma cor-de-rosa”. A gente também brinca de judô, fala do Corinthians e brinca de super-herói. Mas ela gosta mesmo é de brincar de boneca, maquiagem, assistir Barbie, cantar as músicas da Frozen e, pra ser honesto, é difícil pacas entrar nesse mundo.
Por outro lado, é uma delícia quando ela percebe que pode brincar com o pai de qualquer coisa e a gente começa a aprender os nomes dos personagens de Monster High ou querer assistir ao próximo capítulo de Doutora Brinquedo com ela.
O desafio de ser pai de menina começa quando ela é bebê e a gente tem que trocar a fralda. Tem lado certo pra limpar e todo um medo de fazer errado e machucá-la. No fundo é simples pra caramba, mas pai de menina demora um tempo pra entender.
1510431_10152153117034913_1388666849_n
Depois vem a fase dos desenhos e das musiquinhas. A Luna é super performática, sempre gostou de colocar um tutu e se apresentar, mas ela quer companhia e aí é que o bicho pegava. Lá estava eu improvisando uma saia e dançando balé ao som das músicas da Pequena Sereia. Não vamos esquecer da maquiagem, esmalte, peruca, tiara, laço na cabeça………
Descobri que, na verdade, é super fácil ser pai de menina. Difícil é entender que a gente tem que aprender o que é uma menina. Meninas são meigas, carinhosas, gostam de receber e de fazer carinho. Precisam de mais atenção e gostam de dar mais atenção.
Ser pai de menina é se apaixonar de novo e de um jeito diferente, entender que amá-la e respeitá-la será a coisa mais importante para ela se tornar uma pessoa melhor pro mundo. Sem forçar a barra ou querer “lapidá-la”, o importante é deixá-la ser quem ela é.
538761_10150852134879913_1532439694_n
Anúncios
Categorias: desafio | Tags: , , , | Deixe um comentário

Navegação de Posts

palpita aí!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Mães Loucas

porque "mãe louca" é redundância.

Mãe-solteira recém-casada

porque "mãe louca" é redundância.

porque "mãe louca" é redundância.

Mamatraca

porque "mãe louca" é redundância.

bora.ai blog

bora aí blog - dicas

Minha Mãe que Disse!

porque "mãe louca" é redundância.

Pequena que pariu

porque "mãe louca" é redundância.

O Blog da Sofia

Tudo sobre bebês e ser mãe, da gravidez ao nascimento do filho.

%d blogueiros gostam disto: