Importante: O perigo das (lindas) luzinhas de Natal

Helloucas!!!!

Tudo beeeem?

Ta chegando o Natal!! E com ele a correria deliciosa (oi?) de fim de ano, mil eventos, fim das aulas e crianças enlouquecidas pelas férias, presentes, lembrancinhas e ceia para providenciar e, claro, o ritual da montagem da árvore e todos os trocentos enfeites para distribuir pela casa….

Ano passado fiz um post sobre dicas fáceis de decoração da casa (pra quem não viu, clica aqui) e um check list basiquinho (aqui) mas este ano confesso que a única coisa que consegui adiantar foi a compra dos presentes… Vergonha master…

E numa dessas conversas sobre fim de ano, uma amiga queridíssima, mãe de uma das grandes amigas da Luna, cuja profissão é bombeira, fez um alerta super importante sobre o perigo das luzinhas de Natal… Fiquei apavorada porque, apesar de eu ter uma árvore micro em casa, ela estava repleta de luzinhas… Não consegui tirar isso da cabeça e pedi para que ela nos contasse um pouco mais sobre sua experiência nesse assunto e alertasse as mães e todos os leitores do Blog. Imperdível!!!

E com vocês, a experiência e o alerta da Lizandra Donamore, uma mãe-bombeira de coração enorme que não mede esforços para zelar pelo bem estar da sua pequena Julia!

“Com a chegada deste período do ano,  as pessoas enfeitam as casas para o Natal e costumam colocar luzinhas na parede e nas janelas. Mas essas luzinhas nem sempre são de boa qualidade, tanto que o valor delas é bem baixo.

Além disso, geralmente as pessoas guardam essas luzinhas de um ano para o outro, sem saber até que ponto aquela luz ainda se encontra dentro da validade e pode ser usada. Ou seja, acabamos utilizando por um tempo muito maior do que de fato deveriam ser utilizadas, e se ela tiver algum problema, provavelmente será na forma de curto-circuito.

Outra questão importante é a seguinte: como essa montagem de árvore é bem sazonal, geralmente as pessoas fazem a ligação dessas luzinhas da árvore numa conexão em “T”, não é? Isso é o que a gente chama de multi-instalações. Então, isso gera uma sobrecarga, porque geralmente são ligadas junto com uma TV, ventilador ou qualquer outra coisa e a rede elétrica não está dimensionada para isso. Então, isso acaba sendo mais um motivo que pode agravar o risco e gerar um curto elétrico. 

Outro detalhe importante é que essas luzes geralmente estão perto de materiais combustíveis, como os enfeites de Natal e móveis como mesa de madeira, sofá… Com isso, esse detalhe (curto elétrico) tão pequeno, ao gerar uma faísca, pode ocasionar um grande incêndio numa casa.

Já estive em ocorrências em que a pessoa tinha um escritório ou salão de beleza na parte de baixo da casa… Como a luz de Natal geralmente é ligada à noite, as pessoas muitas vezes esqueciam de desligar, deixando em funcionamento durante a noite toda. Enquanto os moradores estavam dormindo, acontecia o curto elétrico e o fogo se alastrava pela casa, vindo muitas vezes a morrer uma família inteira.

Então, acho que as principais questões envolvendo luzinhas de Natal são:

a) atentar para o prazo de validade dessas luzes. Caso não tenha, o ideal é que sejam usadas apenas por um Natal e, após, serem descartadas.

b) não deixar a árvore perto de materiais combustíveis. Um sofá, por exemplo, é constituído de um material que, ao pegar fogo, sua combustão gera gases muito tóxicos, que podem levar à asfixia. Ou seja, muitas vezes as pessoas não vão nem morrer por um incêndio, mas sim pelos gases que são produzidos.

c) ligar essa luzinha diretamente na tomada, não sobrecarregando “T”s ou a rede elétrica de qualquer outra forma, com extensões, por exemplo.

d) não deixar a árvore ligada na hora em que você vai dormir ou sair de casa para que as pessoas que estejam na rua possam admirar seus enfeites. Em caso de incêndio, você não vai estar lá para tomar qualquer providência necessária.

Em resumo, é isso.”

Tenso não??? Eu fiquei apavorada, porque algo tão simples e tão aparentemente inofensivo é capaz de causar tantos estragos!!! E tenho visto que essas luzinhas estão super na moda para enfeitar o quarto dos pequenos, sobre a cama, ou em letreiros de nome e as luminárias de Natal, como as que a Ju ensinou a fazer aqui no Blog… então, CUIDADO!

foto luzes natal

Enfim, espero que essas dicas e orientações de uma profissional que lida com essas situações com muito mais frequência nesta época de fim de ano sejam úteis e evitem acidentes e maiores tragédias!!!

Liz, muito obrigada por aceitar o convite!!

Super importante compartilhar!!

Beijos e até a próxima!!

casa iluminada

Anúncios
Categorias: convidados | Tags: , , , , , , , | Deixe um comentário

Navegação de Posts

palpita aí!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Mães Loucas

porque "mãe louca" é redundância.

Mãe-solteira recém-casada

porque "mãe louca" é redundância.

porque "mãe louca" é redundância.

Mamatraca

porque "mãe louca" é redundância.

bora.ai blog

bora aí blog - dicas

Minha Mãe que Disse!

porque "mãe louca" é redundância.

Pequena que pariu

porque "mãe louca" é redundância.

O Blog da Sofia

Tudo sobre bebês e ser mãe, da gravidez ao nascimento do filho.

%d blogueiros gostam disto: