Amamentar em público nas diferentes culturas do mundo

Olá pessoal!

Estamos na semana da amamentação no blog, e eu até poderia escrever sobre passeios, restaurantes ou shoppings que tivessem cantinhos gostosos para amamentar, mas como eu sempre fui bastante desencanada nessa fase da vida e amamentava a Rafa em qualquer canto, achei mais interessante pesquisar sobre a amamentação em público em outros lugares do mundo, afinal é muito importante conhecer os costumes locais antes de viajar para algum lugar diferente para não cometer gafes!  😉

Vocês sabiam que existem países onde amamentar em público ainda é estranho, e as pessoas, além de te olharem feio, podem pedir para você se retirar ou ir para algum canto mais escondido? Aliás, por incrível que pareça, isso já aconteceu até aqui em São Paulo!

Uma mãe estava visitando uma exposição no Itaú Cultural quando seu bebê começou a chorar. Ela sentou-se e começou a amamentá-lo, quando surgiu uma funcionária que disse que lá era proibido amamentar. Oi? Proibido? Como assim? Isso mesmo, como assim proibido amamentar? O que pode causar um simples ato de amamentação para se tornar uma coisa proibida naquele lugar?

Eu fiquei muito surpresa quando ouvi essa história, porque no Brasil eu nunca tinha ouvido falar de algo parecido. Você já ouviu? Eu sempre amamentei em qualquer lugar, de qualquer jeito, e nunca senti ninguém me olhando estranho. Você já passou por alguma situação constrangedora aqui no nosso país?

Um tempo depois do ocorrido, dezenas de mães se reuniram no Itaú Cultural e fizeram o “mamaço coletivo”, onde várias mães dão de mamar ao mesmo tempo. Aliás, o “mamaço” está bastante famoso no Brasil. Já li inúmeras vezes sobre encontros específicos para isso.

Nos Estados Unidos esse assunto ainda gera bastante polêmica. Alguns estados e setores sociais lançaram projetos para limitar os locais de amamentação, acreditam nisso?

Em Forest Park, uma localidade do estado da Geórgia, tentaram aprovar a proibição de amamentação em público a crianças maiores de 2 anos. Várias mães se juntaram em frente à prefeitura para amamentar seus filhos todas juntas como forma de protesto, e deu certo!

Uma americana do Texas, certa vez, foi convidada a se retirar de uma loja de departamentos por estar amamentando dentro da loja. Pouco tempo depois, centenas de mães protestaram  amamentando as crianças no mesmo local do ocorrido.

Em outros estados e cidades americanas, existem leis que liberam a amamentação em público, mas na minha opinião, isso não deveria nem ser lei, e sim parte da vida humana.

Na cidade de Bristol, na Inglaterra, um funcionário tratou super mal uma mãe que amamentava seu filho no café. Elas também protestaram.

Outra mãe de Manchester foi obrigada a descer do ônibus pois estava dando de mamar dentro do transporte público.

Isso porque na Grã Bretanha a amamentação em público é protegida e garantida por lei (de novo a lei!). Mas o que eu acho engraçado é que, no verão, nos parques ingleses, você encontra inúmeras mulheres fazendo topless para pegar um solzinho. Isso, sim, é mostrar o peito, e não quando está alimentando seu filhote!

Nos Estados Unidos e Canadá, expor os seios, mesmo que seja para amamentar, é inapropriado.

Mas sabia que na Suécia é o contrário? Eu nunca fui pra lá, mas me disseram que onde quer que você vá, vai encontrar mulheres dando de mamar, seja em shoppings, restaurantes, praças e ônibus, sem nenhuma necessidade de cobrir o peito com fraldas apropriadas. Ninguém olha se seu peito está de fora. Legal!

Que tal nos contar um pouco da sua experiência e compartilhar com as amigas viajantes como é a cultura de outros países?

See you!

Anúncios
Categorias: geral, viagens | Tags: , , | 8 Comentários

Navegação de Posts

8 opiniões sobre “Amamentar em público nas diferentes culturas do mundo

  1. Nos Estados Unidos não é proibido, é apenas incomum. Estive recentemente na Disney e amamentava minha filha nas áreas comuns dos Parques, mas eu era a única. Depois, visitando o Baby Center deles (como um fraldário gigante) descobri que lá tem sala de amamentação, onde as mães que querem dar peito ficam, na penumbra e no ar-condicionado, e com muita privacidade. É uma questão cultural, que no final, prejudica a amamentação dos bebês, que não querem saber de hora e local, só querem peito!

  2. silvio de sousa

    Boa pauta, gostei!

  3. Eu tb não concordo com a proibição de amamentar em público, mas acho super valida a dica de pesquisar sobre o local a ser visitado para evitar “apuros”.
    Aqui em SP, já amamentei em shopping e em restaurantes durante passeios com a família.
    Por outro lado, nunca achei legal expôr os peitos. Já presenciei várias mães que pareciam mais preocupadas em “impor” ao mundo a amamentação do que alimentar seu filho.
    Ainda na maternidade, no período de aprendizado, os homens que estavam ali nos visitando, se afastavam para dar mais liberdade na hora da amamentação. Achei isso muito legal, pois essa fase de amamentação um dia passaria, e não me agradava pensar que todos teriam visto meus peitos!
    Como nem todas as pessoas tem bom senso e ficam olhando mesmo, sempre que precisei amamentar em publico utilizei uma fraldinha leve, que dava privacidade sem sufocar o bebê.
    Pode parecer bobagem, mas eu acho que dá pra expor menos a mãe e o bebê sem deixar de amamentar, seja lá onde estiver! Bjos!

  4. Gabriela Chamusca

    Eu nunca tive problema ou pudor para amamentar em público… Mas sei que muitas mulheres não se sentem à vontade…
    Uma dica para quem não se sente bem em amamentar em público são as capas que temos hoje para amamentação…

    segue link….

    http://babymoment.loja-segura.com/Paginas.aspx?IdPagina=11

  5. C M M Ramos

    Estivemos na Florida em julho de 2013. Minha esposa, no shopping, em Orlando, viu-se obrigada a amamentar na praca de almentaçao. A surpresa foi ver as mukheres se cutucando e reprovando a atitude, que naquele momento era impossivel de evitar. Depois, visitamos a Disney e ela foi impedida de amamentar num restaurante. No baby center, o local e reservado e nem os pais podem entrar. Evoluidos em certas coisas, mas nao nas mais elementares. Enfim, como se a mae fosse dar mama para se exibir. Vale registrar isso para que as maes saibam das reações dos Americanos e evitem sentirem-se constrangidas. Ao menos eles tem baby center em todos os locais publicos,

  6. Michele

    CUSTA, usar uma fralda, ou algo que cubra a mama???
    Esse é o problema que eu vejo. Uma mulher que não amamenta, fica com a mama de fora, isso é atentado ao pudor, e é crime. Agora uma mãe amamentando, com a mama de fora não é crime, e é aceito normalmente?!
    Me poupem, É SIM atentado ao pudor, nas duas situações existe exposição! Se elas se cobrirem, eu não vejo problema algum.

  7. Amamentar é um ato de amor. Não precisa ter pudor. Precisamos entender a cultura de cada povo, ou de cada pessoa. Para uns é feio, para outros, normal.
    Tantas as que usam decotes tão profundos em seios tão formosos nesse Brasil tropical… Em muitos casos, o “quase mostra” é mais sensual, ou sexual, ou erótico do que ver o mamilo da mãe que amamenta.
    Meu filho tem 2 anos e um mês e ainda mama. Não me sinto constrangida. Acho que meu relacionamento com ele fica mais profundo, mais duradouro. Não vejo problema. Aos 23 meses dei a ele de mamar no museu do Prado, em Madrid. Tantos turistas e funcionários a olhar. Uns com ar de surpresa, outros com entusiasmo. Uma mostrou seu filho (um rapaz de uns 20 anos) e disse em inglês que o dela havia mamado até os 3,5 anos. Eu sorri. Não me senti mal em nenhum momento. Dei de mamar umas duas, três vezes, e ele se acalmava. Eu, então, pude continuar minha longa visita ao museu.
    Se eu tivesse de ir a um cantinho com o pequeno por três vezes, ficaria no museu por muito mais tempo e teria minha visita comprometida. Muito mais cansativo. Fraldinha pra cobrir?
    Uso às vezes…
    As vezes, não.
    Não me importo,não.

palpita aí!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Mães Loucas

porque "mãe louca" é redundância.

Mãe-solteira recém-casada

porque "mãe louca" é redundância.

porque "mãe louca" é redundância.

Mamatraca

porque "mãe louca" é redundância.

bora.ai blog

bora aí blog - dicas

Minha Mãe que Disse!

porque "mãe louca" é redundância.

Pequena que pariu

porque "mãe louca" é redundância.

O Blog da Sofia

Tudo sobre bebês e ser mãe, da gravidez ao nascimento do filho.

%d blogueiros gostam disto: